Monsanto proíbe cartilha ilustrada por Ziraldo

publicidade

Esse será um post de serviço! É claro que podemos sempre falar de arte quando falamos do Ziraldo, né? Mas o que realmente vamos falar nesse post é sobre uma cartilha que seria lançada pelo Ministério da Agricultura, chamada “O Olho do Consumidor”, que viria a divulgar o selo SISORG (Sistema Brasileiro de Avaliação de Conformidade Orgânica).

O selo pretende padronizar, identificar e valorizar produtos orgânicos, orientando e auxiliando consumidor sobre produtos orgânicos, o que é bastante admirável e necessário atualmente, visto que há toda uma discussão sobre orgânico, não-orgânico, natural e etc. No entanto, por causa desse parágrafo aqui trancrito (item 5 da página 7) houve todo um problema:

“O agricultor orgânico não cultiva transgênicos porque não quer colocar em risco a diversidade de variedades que existem na natureza. Transgênicos são plantas e animais onde o homem coloca genes tomados de outras espécies”.

A empresa Monsanto entrou com uma uma liminar de mandado de segurança para impedir a sua distribuição, e foi apoiada por alguns setores do próprio Ministério da Agricultura ligados a agronegócios. Alguns sites da web dizem que a não houve nenhum problema, que a cartilha foi distribuída e tudo mais. Como eu não consegui achar nenhuma comprovação oficial de ambos os lados, e sabendo do histórico da Monsanto, decidi escrever esse post mesmo assim.

Certo. Eu acho que não seria nem o caso de iniciar toda uma discussão sobre quem está certo ou quem está errado, mas a verdade é que se não existem informações disponíveis sobre produtos orgânicos, existem ainda muito menos sobre transgênicos. E verdade seja dita, ainda não foram feitos estudos suficientes sobre transgênicos para saber se eles são realmente saudáveis para o consumo ou não, e a cada dia novas descobertas são feitas ao redor do mundo todo fazendo com que mais e mais países (por exemplo, a Alemanha, Hungria e Austria) proíbam o consumo de transgênicos até que se prove sua segurança. E, só para fazer pensar: se os produtos transgênicos são tão seguros como afirmam a Bayer e a Monsanto, porque eles são contra a rotulagem dos seus produtos (ou seja, as empresas que utilizam transgênicos teriam que informar isso em seus rótulos)?

Claro que no mundo todo, inclusive no Brasil, toda essa questão já virou muito mais política e poder do que realmente preocupação com o consumidor. Mas enquanto existirem muito mais dúvidas que certezas no que diz respeiro aos transgênicos, cabe ao Ministério da Agricultura e aos ilustríssimos juízes permitirem que nós consumidores tenhamos acesso à maior quantidade de informações possíveis sobre o assunto.

Por isso disponibilizaremos a cartilha para você aqui: cartilha_ziraldo-1.

E mais uma vez, desculpem pela falta de design desse port, mas voltaremos com a programação normal em instantes.

Via: Greenpeace Brasil; Blog de um sem mídia; Casal 10

  • Todo mundo falando disto. Sábado eu tava no mercado municipal de Curitiba e na seção de orgânicos tava cheio dessas cartilhas.

    Isso foi só invenção de uma galera pra fazer um hype em volta desta cartilha. O único detalhe é que todos sabem que transgênicos são alimentos genéticamente modificados e não há estudos o suficiente que comprove o efeito deles no ser humano a longo prazo.

    De qualquer maneira, esta cartilha está sim disponível. Tô até com uma aqui ;)