Boteco Design – portal de inspiração e criatividade
fade
5445
home,paged,page-template,page-template-blog-standard-whole-post,page-template-blog-standard-whole-post-php,page,page-id-5445,paged-6,page-paged-6,eltd-core-1.2,malmo-ver-1.2,eltd-smooth-scroll,eltd-smooth-page-transitions,eltd-ajax,eltd-grid-1300,eltd-blog-installed,eltd-header-standard,eltd-fixed-on-scroll,eltd-default-mobile-header,eltd-sticky-up-mobile-header,eltd-dropdown-slide-from-top,eltd-fullscreen-search,eltd-search-fade,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

Vivo – Viver é a melhor conexão. ou não.

Vivo - Viver é a melhor conexão - paródia

nesta quinta dia 14/04 a Vivo lançou sua nova campanha Viver é a melhor conexão. o vídeo muito bem produzido relaciona momentos felizes da vida com ações que você realiza no mundo digital e que dependem do serviço fornecido pela Vivo.

muito bonito. MAS acontece que estamos em meio a um grande debate sobre internet, pois as operadoras – Vivo, Oi e Claro – estão articulando um golpe baixo para seus assinantes: estabelecer limites para download mensal para seus assinantes. o objetivo é claro: criar resistência ao Netflix, serviço de streaming de filmes e séries que cresce cada vez mais no país e consome grande quantidade de dados (por motivos óbvios, já que os vídeos são mais pesados do que fotos ou textos). e defendem que os assinantes que usam Netflix ou YouTube devem pagar a mais pelo serviço, indo diretamente contra o que define o Marco Civil da internet brasileira, que garante a neutralidade da rede:

Art. 9o O responsável pela transmissão, comutação ou roteamento tem o dever de tratar de forma isonômica quaisquer pacotes de dados, sem distinção por conteúdo, origem e destino, serviço, terminal ou aplicação.

 

um dado curioso: as empresas que fornecem internet são as mesmas que fornecem tv a cabo, e o Netflix é concorrente direto deste serviço.

a nossa ANATEL (Agência Nacional de Telecomunicações) – que parece mais das operadoras do que do Governo – já deu aval para o limite, dizendo inclusive que isso deve ser benéfico para os assinantes. isso soa absurdo para mais alguém? agora, a ANATEL está enfrentando acusações de que estas operadoras formam um cartel e pagam propina para decisões que as favoreçam.

a internet reagiu rápido e já temos uma petição no Avaaz contra essa medida, e foi criada a página Movimento Internet sem Limites no Facebook. se conhecer outros movimentos interessantes, deixe nos comentários ;)

ah, claro. o motivo inicial desse post. a internet, essa coisa incrível, já assistiu o comercial da Vivo e fez sua própria versão. mas não é possível assistir a todo o comercial, pois nessa versão você atinge o limite da sua franquia mensal de dados:

[wpyt_boteco]xK5E2NpnISk[/wpyt_boteco]

Vivo: não adianta investir milhões em publicidade, branding, vídeo bonito, se você tem mais preocupação em exterminar um concorrente impondo medidas absurdas ao invés de melhorar o seu serviço e tentar inovar. se você não inovar, alguém vai, e você vai ficar pra trás.

Type to Design: escrevendo com arte do Instagram

Type to Design

o Type to Design é um projeto muito legal que construiu uma base de dados com artes criadas por colaboradores para cada letra do alfabeto. ao digitar um texto, frase, nome, o site busca as imagens de cara letra no Instagram e monta o resultado na tela. olha que legal ficou Boteco Design lá! :)

Type to Design

todas as imagens utilizadas no site são de propriedade de seus respectivos autores. nem o site nem os visitantes possuem qualquer direito sobre elas. então não dá pra você criar o seu logo lá, mas dá pra se divertir e até baixar um PDF com o que você digitou. aí você pode imprimir, colocar em uma moldura bacana e pendurar na parede da sua casa ;)

fizemos também estes testes com as palavras Design e Tipografia:

Type to Design

Type to Design

dica: se você não gostar de alguma letra, você pode clicar sobre ela e o site carrega outra! e ao passar o mouse sobre cada fonte, no lado direito aparece quem é o autor. aí você pode entrar no perfil da pessoa e curtir, seguir, pegar mais referências legais, descobrir uma infinidade de novas fontes de referências.

www.typetodesign.com

First World Problems – ajudando a pesquisa contra AIDS

com o objetivo de ajudar a pesquisa contra a AIDS, foram criadas as balinhas da First World Problems (Problemas do Primeiro Mundo). cada embalagem traz um problema do primeiro mundo, alguma coisa bem bobinha, e as balinhas são supostamente os remédios pra esse problema.

todo o dinheiro arrecadado será doado para o Dutch Aids Foundation.

first-world-problems

Abridor de armários

first-world-problems

Roncar como uma fada

first-world-problems

Fazer sua namorada parecer uma holandesa

first-world-problems

Como andar de bicicleta holandesa

first-world-problems

Transformar gordura em músculo

first-world-problems

Minha mãe não está sempre certa

first-world-problems

WiFi sempre excelente

first-world-problems

Crianças que se vestem sozinhas

first-world-problems

Habilidade para ver unicórnios

first-world-problems

Sem medo de aranhas

via